quarta-feira, 18 de maio de 2011

Conto de Fadas ao Contrário

Atualização: mudei a parte em que o caçador matava a corça seguindo sugestão do Anônimo nos comentários.

O meu inconsciente às vezes vem com umas idéias estranhas.
Na última noite, eu sonhei que deveria contar um conto de fadas ao contrário. Eu não sonhei com o conto em si, nem sonhei que o fazia, só sonhei que deveria fazê-lo. O conto de fadas em questão era Branca de Neve, às vezes Cinderela e Chapeuzinho Vermelho. Acordei e anotei no caderno. Ao dormir de novo, sonhei que escrevia o conto aqui no blog.

Então lá vai.

Branca de Neve reverso.

Branca de Neve estava casada com seu príncipe, muito feliz. Mas um dia o príncipe a pegou no colo e a levou para o meio da floresta, deitando-a dentro de um caixão de cristal, numa clareira. Ao dar-lhe um beijo, Branca de Neve adormeceu, e assim ficou por muito, muito tempo. E o príncipe nunca mais voltou.

Foi quando os sete anões, que viviam na floresta, a encontraram. Admiraram sua beleza inerte por dias a fio. Até que decidiram tirá-la de lá, e levá-la para sua casinha na floresta, onde todos eles viviam. Largaram ela por lá, e saíram para trabalhar, deixando-a sozinha, desacordada.

Enquanto isto, os anões salvavam da queda de um penhasco uma mulher velha e maltrapilha, que, depois de ser salva, foi visitar a casa dos anões, levando uma cesta de maçãs. Lá, encontrou Branca de Neve desacordada. Aproximou-se dela, e conseguiu fazê-la engolir um pedaço da mais bela das maçãs que trazia. Isso fez com que Branca de Neve despertasse de seu sono.

A velha então se foi, e Branca de Neve ficou na casa dos anões, fazendo o trabalho doméstico: limpando, cozinhando, lavando. Foi a alegria dos anões, quando voltaram de seu trabalho, encontrá-la desperta e trabalhando.

Mas um dia Branca de Neve decidiu ir embora. Andou a esmo pela floresta até se deparar com um caçador, que retirava o coração de uma corça de dentro de uma caixa e a depositava dentro do animal, que então voltava à vida. Para espanto de Branca de Neve, ele lhe diz que fazia isto pois a rainha malvada havia lhe pedido que buscasse o coração da própria Branca de Neve, mas ele não queria feri-la. Ele lhe pediu que voltasse para a floresta e não se aproximasse do castelo.

Porém, Branca de Neve ignorou seu pedido e foi até o castelo da rainha que desejava sua morte. Encontrou a rainha conversando com um espelho, que lhe dizia que Branca de Neve era mais bela do que ela. A rainha estava furiosa, pois foi ela mesma, disfarçada de velha, que lhe deu a maçã que a despertou de seu sono.

Mas antes que pudesse fazer qualquer coisa, o rei, pai de Branca de Neve, que se pensava estar morto, surgiu de repente, para a surpresa de todos. Permaneceu casado com a rainha malvada, até que, da mesma forma repentina, a rainha falecida, ex-esposa do rei, apareceu na frente de todos. Desta forma, a rainha-feiticeira-malvada teve que sair de cena para sempre, e nunca mais se ouviu falar dela. E o rei e a rainha, pais de Branca de Neve, voltaram a reinar, com a princesa sob sua proteção.

Fim?

Adianto que no caso de Chapeuzinho Vermelho, ela e a avó seriam vomitadas pelo lobo. E acho que Cinderela perderia seu príncipe num baile em que ele resolveria ficar solteirão pra poder farrear, e ela terminaria virando faxineira de uma madrasta e suas filhas terríveis.

18 comentários:

  1. Cê já percebeu que tanto a branca de Neve, quanto a cinderela ficam com o príncipe encantado no final? E se "os príncipes" fossem, na verdade, o mesmo cara, que sai pelos reinos afora desvirginando princesinhas indefesas?

    Te recomendo ler a série em quadrinhos chamad Fables. ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EU NÃO ACHO CERTO ESSAS PESSOAS FICAREM FALANDO MAL DOS CONTO DE FADA
      ELES SÃO TODOS UMMMMSSS......
      BURROSSSSSSSS

      Excluir
    2. Não é possivel, pois as duas viveram em épocas completamente diferentes: enquanto uma era bebê, a outra estava morta e enterrada.

      Excluir
    3. Não é possivel, pois as duas viveram em épocas completamente diferentes: enquanto uma era bebê, a outra estava morta e enterrada.

      Excluir
  2. Ficou ótimo! Queria dizer de um jeito não-tosco que você é especial, por ter seu insconsciente tão "desperto". Tem épocas que sou assim também.

    ResponderExcluir
  3. O caçador mata um jovem cervo no conto dos Grimm e, no seu conto, o cervo deveria estar morto, e o caçador deveria fazê-lo voltar à vida tirando o coração da caixa de madeira e colocando no animal morto, né?

    Uma gazela é um antílope africano.

    ResponderExcluir
  4. Tem razão, Anônimo. Boa idéia, a de devolver a vida ao cervo com o coração. A "gazela" eu tirei dos textos que encontrei na internet contando a história da Branca de Neve, e se não me engano é oq é usado no filme também, não? Acho que querendo dizer "cervo fêmea"... acho que o nome certo seria "corça". Vou arrumar isso no texto =) Obrigada.

    ResponderExcluir
  5. cara, queria falar algo interessante inteligente aqui, mas não consigo dizer nada além de PUTAQUEPARIUMENINE,VOCEÉDEMAIS :D

    ResponderExcluir
  6. Ah, e Tiago, eu tenho umas duas edições de Fables aqui, acho que depois vou atrás do resto online =)

    ResponderExcluir
  7. Li ontem antes de dormir e acho que seu conto-de-fadas-ao-contrário interferiu no meu sonho da noite passada! É que achei tão genial que mesmo depois de dormir fiquei pensando nele
    Se um conto de fadas é como um mito e se um mito é como uma grande metáfora que emerge do inconsciente de uma sociedade, então receber a tarefa de contá-lo ao contrário é tipo... mto foda! hahaha

    bem, era para ser a cameron diaz. =/

    Fico sempre feliz com suas visitas, sou assumidamente sua fã!
    =]

    ResponderExcluir
  8. Procure, que vale a pena! Uma das melhores HQs que li nos últimos tempos. =)

    ResponderExcluir
  9. Sabe que essa versão da Branca de Neve do seu sonho ficou bastante interessante? Mais do que a história real, hehehe.

    Ah, eu fiquei puta com o blogger aquele dia, ele tinha apagado todos os meus posts e pensei que ele tivesse apagado meu comentário no seu blog. Ainda bem que não.

    Obrigada por me seguir, e continue sonhadora, assim como eu, hehe. Acredito que os sonhos são uma realidade alternativa. Tenho sonhos premonitórios às vezes, alguns são pura imaginação, mas relfetem bastante o meu mundo interno.

    Ah, sobre vc já ter me visto antes, com certeza sim. Eu sou amiga da May. :} E acho que já te dei um + watch no deviantart.

    =**

    ResponderExcluir
  10. Você é talentosa e interessante. Isso é tudo.

    ResponderExcluir
  11. Menina, vc é abençoada pelas fadas, só pode. Ficou genial!

    ResponderExcluir
  12. adorei! genial mesmo :D achei que no "final" a madrasta fosse ficar com raiva de ter salvo a moça que futuramente seria mais bela que ela, e por isso a obrigaria a trabalhar em seu reino, quase como escrava. mas assim ficou bom também :D

    ResponderExcluir
  13. isso é incrível! heheh (:
    sinto-me envolvida pelo seu 'estilo'
    li todo o blog de trás para a frente até aqui, e as imagens visuais e escritas que encontrei aqui provavelmente vão ficar na minha cabeça por algum tempo.

    ResponderExcluir

Real Time Web Analytics